O rico e o mendigo

28-11-2011 18:54

    Jesus contou uma história assim: era uma vez um homem muito rico.

Acho que ele tinha uma casa muito grande

com muitos empregados,

muitas roupas caras e bonitas;

só comia comidas caras

(se fosse hoje acho que comeria

bacalhau, salmão, lagosta,

caviar, filé mignon...)

e devia ter muitos camelos

(porque naquela época

não existia carro importado!)

    Era uma vez também um mendigo. O nome do mendigo era Lázaro. Ele tinha feridas por todo o corpo!

Você já se machucou

uma casquinha depois criou?

Se tirar a casquinha com a unha

pode sangrar

e infeccionar...

por isso, é importante

deixar a mamãe limpar e

um curativo fazer.

Acho que Lázaro não tinha

pai nem mãe...

    Ele morava na rua, deitado na porta da casa do rico. Imaginava como seria bom se pudesse comer os restos da comida que caia da mesa do rico. Além de sentir muita dor por causa das feridas com pus, Lázaro sentia muita, muita fome.

    Mas tinha uma coisa que Lázaro possuia e o rico, não. Lázaro amava a Deus mais que tudo. Ele acreditava na promessa de Deus: o Salvador viria ao mundo e um dia ele teria vida eterna no céu. Lázaro obedecia os mandamentos de Deus.

    O rico não amava a Deus, não queria obedecê-Lo e vivia como se Deus não existisse. Que triste! Ele não acreditava na Bíblia nem no céu.

    Um dia o mendigo morreu e foi levado pelos anjos para o céu. Um tempo depois morreu também o homem rico e foi para o lugar de tormento (que nós conhecemos como inferno).

    O rico levantou os olhos e viu lá longe Lázaro junto de Abraão (um servo de Deus que viveu há muitos anos, conhecido como o pai na fé de todos que creem e amam Jesus). Então o rico falou:

"Pai Abraão, tem misericórdia de mim e manda Lázaro molhar o dedo na água para refrescar minha língua. Eu não aguento mais ser atormentado nestas chamas de fogo!"

"Filho", disse Abraão, "você recebeu muitos bens na tua vida e viveu como se Deus não existisse. Mas, Lázaro viveu com muito sofrimento e apesar disso nunca deixou de amar a Deus e obedecê-Lo. Agora, Lázaro é consolado e você está atormentado. Além disso, há um abismo muito grande entre nós e vocês. Ninguém pode passar daqui pra ai, nem dai pra cá."

"Então", disse o rico, "manda Lázaro na casa dos meus pais avisar minha família sobre esse lugar horrível, pra eles não virem pra cá."

"Eles tem a Bíblia. O que eles precisam fazer é obedecê-la. Lá tem um aviso bem grande sobre esse lugar e o que devem fazer para virem para o céu."

"Não, pai Abraão", insistiu o rico, "se algum morto falar com eles e contar a verdade vão se arrepender dos seus pecados e buscar a Deus."

"Isso é proibido por Deus!", disse Abraão, "e se não ouvem os servos de Deus nem acreditam na Bíblia, com certeza não acreditariam mesmo que um dos mortos ressuscitasse."

Em qualquer situação

devemos buscar

e obedecer ao Senhor.

Jesus  é o único caminho

que nos livra do tormento,

nos prepara um lugar,

nos dá vida no céu...

 

 

PARA VOCÊ DECORAR:

"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho unigênito para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna."

unigênito=único

perecer=morrer

 

Vamos cantar? Procure em "Músicas" o "Livro sem Palavras".